O senso comum diz uma e somente uma coisa: O Flamengo é a maior torcida do Brasil. Também, pudera; equipe com mais títulos do Campeonato Carioca, foi a escolhida pela maioria da população do Rio de Janeiro como time favorito. Com efeito, em termos de causa e consequência, a Rede Globo exibe mais jogos do Flamengo do que dos outros times cariocas.

Como a Globo tem a central da Rede no Rio de Janeiro, são os jogos do Estado da Guanabara que são transmitidos para as parabólicas de todos os rincões do Brasil. Como mais jogos do Flamengo são transmitidos, mais torcedores do Flamengo ao redor do país – a lógica é simples e direta. Daí decorre a frase clássica, que torcedor de Flamengo tem em todo lugar. Na semana passada, por exemplo, eu estava em Minas Gerais ensinando para um amigo de um primo meu qual era a ordem nas mãos do poker. Adivinhem qual camisa ele usava? A do Flamengo.

Em meados deste mês a acessoria de imprensa do Flamengo divulgou um levantamento que corrobora com essa teoria: a equipe que revelou Zico e está empatada com o São Paulo em números de títulos do Brasileirão é a que mais teve público total durante o Campeonato Brasileiro de 2013. E não só isso: se formos contar também a renda bruta (sem deduzir os custos e etc), o clube da Gávea também lidera o ranking. Os dados, vale lembrar, não são oficiais da CBF – são da equipe.

A soma da renda bruta total das 15 partidas analisadas – nas quais o Flamengo foi mandante ou jogou fora de casa – foi a impressionante cifra de 27 milhões de reais (R$ 27.658,504 para ser mais exato). Além disso, a média de público dos jogos nos quais o Flamengo esteve em campo foi igualmente alta: 31 mil pessoas (ou, para ser mais exato, 31.160 pessoas em público total, contando pagante e não pagante). Novamente, é importante destacar que os dados fazem referência a todos os jogos do time, seja em casa ou fora.

A equipe, contudo, não vai bem no campeonato. Com um elenco apenas mediano, o Flamengo está na parte debaixo da tabela. A campanha está aquém dos números; em 16 jogos, foram 19 pontos acumulados pelo rubro-negro (ou seja, pouco mais de um ponto por partida). A campanha é a seguinte: 4 vitórias, 7 empates e 5 derrotas.

De toda sorte, o público total e a renda bruta da equipe já ultrapassaram as de 2012 – com metade dos jogos disputados. A maior das rendas foi contra o Santos, na estreia (quase sete milhões de dólares). Se considerarmos apenas os jogos da equipe como mandante, o montante total (bruto) seria de quase 11 milhões de reais.

No segundo lugar do ranking divulgado pela acessoria do Flamengo aparece, naturalmente, a torcida reputada como a segunda maior do Brasil – a do Corinthians (que, ao contrário, faz boa campanha no Campeonato). O Timão tem renda bruta total de 11 milhões de reais e 23 mil de média de público – cerca de 10 mil a menos que o Flamengo.